O peido do porco: parte 2



Como se já não bastasse presenciar e ouvir o peido do homem que contei aqui, presencio novamente a mesma situação, mas foi o famoso silencioso!

Estava eu, na minha hora de almoço, embaixo de um Sol as 15hs, na maratona parte 2 de encontrar um vestido que me agradasse e quando já havia desistido entro em uma loja. Até aí tudo bem, mas assim que entrei na loja o cheiro foi quase que insuportável.

Claro que ninguém sabia quem foi o culpado ou culpada, mas todos se abanavam com o que podiam, reclamavam e riam. A loja era pequena e estava cheia e abafada. Imaginem o estrago que foi!

Notícia boa: felizmente comprei meu vestido, e logo 2. \o/


6 comentários:

  1. Ai, ninguém merece essas situações né? Mas ainda bem que você conseguiu encontrar o vestido *-*

    ResponderExcluir
  2. Fala sério, ninguém merece hein?
    Bjs
    linda-e-loira.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Txiiiiii...que badalhocos!
    Beijinhos morena!

    ResponderExcluir
  4. Hummm... mistério... assim que vc entrou na loja todos te olharam e se olharamm.. hummm.. bjinhuss... kk.k.kk.....

    ResponderExcluir
  5. ahahaha, Marcio quando eu entrei na loja ja estavam todos se abanando kkkk

    ResponderExcluir